PREFEITURA QUER PROIBIR CANUDOS PLÁSTICOS NA CAPITAL

O prefeito da cidade de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), é favorável e deve sancionar o projeto de lei que prevê a proibição de fornecimento de canudos plásticos em estabelecimentos comerciais da Capital. O projeto, de autoria do vereador Reginaldo Tripoli (PV), determina multa de R$ 8.000 a quem descumprir a lei.

Tripoli diz que aprovação da medida alinharia São Paulo às “cidades mais desenvolvidas do mundo”. O projeto tramita na Câmara Municipal de São Paulo e aguarda a primeira votação. A lei vai valer para hotéis, restaurantes, bares, padarias, clubes noturnos e eventos musicais de qualquer tipo. 

LEIA NA ÍNTEGRA EM JORNAL GAZETA DE S.PAULO

https://www.gazetasp.com.br/capital/48154-prefeitura-quer-proibir-canudos-plasticos-na-capital

grade.jpg

SÃO PAULO QUER PROIBIR CANUDOS DE PLÁSTICO NO COMÉRCIO

Proposta entra em discussão hoje e é vista com 'bons olhos' pelo prefeito Bruno Covas (PSDB).

O projeto de lei que proíbe o fornecimento de canudos de plástico em estabelecimentos comerciais da capital deve tomar novo fôlego na Câmara. 

Em reunião de líderes realizada hoje, o autor do PL, vereador Reginaldo Tripoli (PV) irá apresentar a proposta, que deve passar por duas votações antes de ser encaminhada para a prefeitura.

O texto proíbe o uso de canudos em hotéis, restaurantes, bares, padarias, além de clubes noturnos, salões de dança e eventos musicais de qualquer espécie.

Em lugar dos canudos de plástico poderão ser fornecidos canudos em papel reciclável, material comestível, ou biodegradável.

LEIA A REPORTAGEM NA ÍNTEGRA EM DESTAK JORNAL

https://www.destakjornal.com.br/cidades/sao-paulo/detalhe/sao-paulo-quer-proibir-canudos-de-plastico-no-comercio?ref=SEC_ultimos_ultima-hora

img_797x448$2019_02_18_18_26_20_43475.jpg

SÃO PAULO DEVE SE JUNTAR À LIGA DE CIDADE QUE PROÍBEM CANUDOS PLÁSTICOS

São Paulo – A cidade de São Paulo está prestes a declarar guerra aos canudinhos plásticos. Só falta o prefeito Bruno Covas (PSDB) sancionar o projeto de lei que determina a proibição de fornecimento dos canudos em estabelecimentos comerciais da capital.

Para isso, ele aguarda a redação final do projeto de lei que segue para votação na Câmara Municipal de São Paulo e não deve encontrar resistência. O projeto é de autoria do vereador Reginaldo Tripoli (PV) e prevê multa de 8 mil reais para quem descumprir a lei. 


LEIA NA ÍNTEGRA REPORTAGEM DA REVISTA EXAME

https://exame.abril.com.br/brasil/sao-paulo-deve-se-juntar-a-liga-de-cidades-que-proibem-canudos-plasticos/

canudo.jpg

Prefeito Bruno Covas vai proibir canudinhos plásticos na cidade de São Paulo

De autoria do vereador Reginaldo Tripoli (PV), o projeto que tramita na Câmara Municipal de São Paulo, aguarda primeira votação e não deve encontrar dificuldades para ser aprovado pelos vereadores. 

Segundo avaliação interna do Executivo, a proibição aos canudos pode ajudar a gestão Covas na construção de uma imagem pública progressista, o que já tem sido feito por meio de projetos como a implementação de cardápio sustentável nas escolas (Segunda sem Carne), a queima de fogos silenciosa no Réveillon da Paulista (Projeto de Lei também de autoria de Reginaldo Tripoli) e medidas de ocupação do centro da cidade.

LEIA NA ÍNTEGRA A MATÉRIA DA FOLHA DE S.PAULO

https://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2019/02/prefeito-bruno-covas-vai-proibir-canudinhos-plasticos-na-cidade-de-sao-paulo.shtml

WhatsApp Image 2019-02-18 at 17.37.26.jpeg

CIDADE DE SÃO PAULO PODE PROIBIR O FORNECIMENTO DE CANUDOS PLÁSTICOS

Projeto de Lei sugere a troca por materiais biodegradáveis ou recicláveis

O fornecimento de canudos plásticos pode ser proibido na cidade de São Paulo. A medida, que já é adotada em diversas partes do mundo, inclusive no Rio de Janeiro, foi sugerida pelo vereador Reginaldo Tripoli (PV) em parceria com outros 45 parlamentares no Projeto de Lei 99/2018.

A ideia é que os materiais sejam substituídos por canudos em papel reciclável, em material comestível ou biodegradável, que devem ser entregados em embalagem de mesma origem. Em comunicado, Tripoli afirmou que, caso o projeto se torne lei, "São Paulo estará alinhada às cidades mais desenvolvidas no mundo no combate à poluição do meio ambiente".

LEIA MAIS EM REVISTA GALILEU

https://revistagalileu.globo.com/Ciencia/noticia/2019/01/cidade-de-sao-paulo-pode-proibir-o-fornecimento-de-canudos-plasticos.html

001_ga326_bc.png.jpeg

FOGOS DE ARTIFÍCIO X ANIMAIS

Ouça a entrevista do vereador Reginaldo Tripoli, autor da Lei que proíbe a soltura de rojões de estampido na cidade de São Paulo.

Nova lei propõe que a queima seja silenciosa. Após demandas de ativistas e ONGs em defesa dos animais, a Prefeitura de São Paulo sancionou neste ano uma lei que proíbe o uso de fogos com barulho.

RÁDIO GAZETA

http://www.gazetaam.com/fogos-de-artificio-x-animais/

Post_01_rojoes_quadrado2.jpg

Réveillon na avenida Paulista terá queima de fogos silenciosa pela primeira vez

Lei proíbe fogos barulhentos; tradicional festa da Prefeitura de São Paulo terá apenas efeitos visuais

A gestão Bruno Covas (PSDB) fará a primeira festa de Réveillon na avenida Paulista com queima de fogos silenciosa. 

A legislação proíbe "o manuseio, a utilização, a queima e a soltura de fogos de estampidos e de artifícios, assim como de quaisquer artefatos pirotécnicos de efeito sonoro ruidoso".

O valor da multa ainda não foi estabelecido, o que será feito com a regulamentação da lei. Por isso, quem soltar fogos com estampido, por enquanto, ainda não está sujeito a nenhuma punição. A lei é de autoria conjunta dos vereadores Reginaldo Tripoli.

Tripoli, de uma dinastia política ligada ao público amante de animais domésticos, afirma que a motivação inicial foi esse público, mas que descobriu que a demanda vai além.

"Quando começamos a estudar o projeto, a gente começou a enxergar outras áreas afetadas como os autistas, os hospitais, os idosos. É muito maior o problema", afirma Tripoli. "Hoje, em São Paulo, segundo o IBGE, cerca de 60% dos lares têm animais domésticos. Quando há estampido, animal quer fugir, se machuca, causa um estrago muito grande." 

Leia matéria completa em Folha de S.Paulo

https://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2018/12/reveillon-na-avenida-paulista-tera-queima-de-fogos-silenciosa-pela-primeira-vez.shtml

sampa_sem_rojao.jpg

Cidades do litoral paulista travam guerra contra os canudos plásticos

Novas leis proíbem o uso do utensílio e preveem multas de até R$ 12,5 mil para comerciantes.

O vereador Reginaldo Tripoli (PV) apresentou projeto similar e São Paulo. Em junho, uma audiência tratou do tema com especialistas. Ele diz que os canudos tem uso individual e efêmero, sendo o plástico de uso único um dos problemas ecológicos contemporâneos mais urgentes.

Leia mais em FOLHA DE S.PAULO (outubro 2018)

https://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2018/10/cidades-do-litoral-paulista-travam-guerra-contra-os-canudos-plasticos.shtml

folha_.jpg

Reginaldo Tripoli X José Roriz Coelho

O uso de canudos de plástico emporcalha os oceanos ou é um direito do consumidor prático? A questão virou um debate que opõe a indústria a legisladores país afora.

Os canudinhos de plástico descartáveis devem ser banidos?

Reginaldo Tripoli, 56 anos - O que faz e o que fez: vereador do PV em São Paulo, é autor de Projeto de Lei para banir o uso de canudinhos não biodegradáveis em estabelecimentos comerciais na cidade. A medida já está em vigor no Rio de Janeiro

José Roriz Coelho, 60 anos - O que faz e o que fez: presidente da Associação Brasileira da Indústria do Plástico (Abiplast). Assumiu provisoriamente a Fiesp durante o afastamento de Paulo Skaf, que concorre ao governo de São Paulo pelo MDB neste ano

Leia a entrevista completa em Revista Época (Agosto/2018)

https://epoca.globo.com/reginaldo-tripoli-jose-roriz-coelho-23010822

xconc.jpg.pagespeed.ic.N-rKOESQKY.jpg

PL defende feiras de adoção de pets em locais públicos

O vereador Reginaldo Tripoli (PV) propõe no Projeto de Lei (PL 550/2017), a autorização para realizar feiras de doação de cães e gatos em locais públicos. O Projeto surgiu devido ao crescente número de animais abandonados e resgatados na cidade de São Paulo.

O PL possibilita a criação das feiras de adoção em ruas, parques e praças. Este tipo de evento também proporciona maior integração entre os moradores e os espaços públicos.

Leia mais em site Câmara Municipal de São Paulo (Julho/2018)

http://www.saopaulo.sp.leg.br/blog/pl-defende-feiras-de-adocao-de-pets-em-locais-publicos/

 

EM-TRAMITA-ABRE-DOAÇAOANIMAIS.png

Saiba quem votou contra PL que proíbe fogos de artifício com barulho em SP

Um dos projetos mais polêmicos votados pelos vereadores no primeiro semestre foi o PL 97/2017, que proíbe o manuseio e queima de fogos de artifício com efeitos sonoros e ruídos na capital paulista.

De autoria dos vereadores Reginaldo Tripoli (PV) e Mario Covas Neto (PODEMOS), e com participação do suplente Abou Anni (PV), a medida prevê multa de 2 000 reais, valor que será dobrado na primeira reincidência e quadruplicado a partir da segunda, para infrações cometidas em um período de trinta dias. “É uma determinação importantíssima para autistas, idosos, doentes, bebês, crianças e animais. O barulho causa um estresse tremendo para eles”, defende o vereador Tripoli.

Leia mais em Veja São Paulo (Julho/2018)

https://vejasp.abril.com.br/cidades/saiba-quem-votou-contra-pl-que-proibe-fogos-de-artificio-com-barulho-em-sp/

fogos.gif

Vereador quer proibir canudos de plástico em bares e restaurantes de Porto Alegre

Em São Paulo, um projeto semelhante do vereador Reginaldo Tripoli (PV) também está tramitando no Legislativo. A capital paulista prevê multa de R$ 8 mil. Já fora do Brasil, a França aprovou em 2016 uma lei que proibirá pratos, copos, talheres e canudos de plástico descartáveis em 2020.

Leia mais em Zero Hora (Junho/2018)

https://gauchazh.clicrbs.com.br/porto-alegre/noticia/2018/06/vereador-quer-proibir-canudos-de-plastico-em-bares-e-restaurantes-de-porto-alegre-cjim5pjwl0hqe01qo6ggoqhln.html

24431387.jpg

Copa da Rússia: Dicas para proteger os bichinhos do barulho dos fogos de artifício

Discussão política

Os problemas com barulho dos fogos de artifício são alvo de discussão até mesmo entre políticos. Os vereadores aprovaram, depois de muita polêmica, o projeto de lei (PL) 97/2017, de autoria dos vereadores Abu Anni (PV), Mário Covas Neto (PSDB) e Reginaldo Tripoli (PV).

Leia mais em Huffpost Brasil (Junho/2018)

https://www.huffpostbrasil.com/2018/06/13/copa-da-russia-dicas-para-proteger-seu-bichinho-de-estimacao-do-barulho-dos-fogos-de-artificio_a_23458503/

http---o.aolcdn.com-hss-storage-midas-55428c22d1755c06256aca6bb07be71f-206452171-Cachorro+fogo+de+artificio+rep+portal+dog.jpg

Para vereador, maioria dos paulistanos apoia o fim do fogos de artifícios que fazem barulho

O vereador Reginaldo Tripoli, do PV, afirma que a maioria da população de São Paulo apoia a proibição dos fogos de artifícios que fazem barulho.

Ele é um dos autores do projeto que impede a soltura dos artefatos desse tipo na cidade.

Leia mais em Metrô (Junho/2018)

https://www.metrojornal.com.br/foco/2018/06/13/para-vereador-maioria-dos-paulistanos-apoia-o-fim-fogos-de-artificios-que-fazem-barulho.html

capturadetela20180527as225218-d4584ac67121ead530a296d4fc1317ee-1200x600.jpg

Às vésperas da Copa, liminar libera fogos de artifício ruidosos em São Paulo

Na justificativa da lei,  os vereadores Mario Covas Neto (Podemos) e Reginaldo Trípoli (PV) argumentaram que o barulho dos fogos assusta animais, idosos, crianças e portadores de autismo. Os cães, por exemplo, que têm a audição mais sensível que a humana, costumam se proteger durante queima de fogos com barulho.

Leia mais em Folha de S.Paulo (Junho/2018)

https://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2018/06/as-vesperas-da-copa-liminar-libera-fogos-de-artificio-em-sao-paulo.shtml

15288474965b205c887163d_1528847496_3x2_md.jpg

Câmara de SP discute veto ao canudinho, já aprovado no Rio

Protocolado no início de maio, teve sua primeira audiência pública no último dia 5 na Câmara de São Paulo um projeto de lei que prevê a proibição de fornecimento de canudos plásticos em estabelecimentos comerciais da cidade.

De autoria do vereador Reginaldo Tripoli (PV), o PL 99/2018 estipula multa para quem descumprir lei com valor que pode chegar a R$ 8 mil. 

"O canudo atinge a todas as pessoas, das crianças aos mais velhos, e sua proibição pode frear um volume importante. Ele simboliza todo o problema da poluição dos plásticos", diz Reginaldo Tripoli. "Nosso intuito com o projeto de lei é, além de proibir, dar impulso a essa discussão e contribuir para um movimento maior de consciência", afirma o vereador.

Leia mais em Folha de S.Paulo (Junho/2018)

https://www1.folha.uol.com.br/mercado/2018/06/camara-de-sp-discute-veto-ao-canudinho-ja-aprovado-no-rio.shtml

logo_ultimocanudo_300dpi.jpg